Criar Anúncio!
Entrar na Área Pessoal Lista de imóveis

Data: 16/7/2019
Frequência: Diária
Edições: Gratuitas

Pesquisar Notícias

Pesquisar

24 junho 2019

Elvas REVIVE reabilita o antigo Convento de São Paulo

elvas

Lançado pelo Governo em 2016, o Programa REVIVE pretendia abrir o património nacional devoluto e ao abandono ao investimento privado para o desenvolvimento de projectos turísticos, através da concessão da sua exploração por concurso público. A lista da primeira fase, em execução, incluía 33 imóveis, metade dos quais no interior do país.

O programa teve este fim-de-semana um marco histórico com a inauguração oficial do Vila Galé Collection Elvas Historic Hotel, Conference & SPA que resultou da reabilitação do antigo Convento de São Paulo, Elvas. O imóvel foi o primeiro a ir a concurso e é também o primeiro a ser concluído não obstante a dimensão da obra. Trata-se de um grande casarão que ao longo dos séculos foi convento, quartel e até repartição pública. Da lista dos 33 imóveis da primeira fase do REVIVE, uma segunda já se anuncia para breve com a inclusão de mais 16 imóveis, 17 já foram a concurso e apenas dois ficaram desertos. O Colégio de São Fiel em Castelo Branco e o Convento de São Francisco em Portalegre.

O ministro do Planeamento, Nelson de Sousa, no acto oficial de inauguração da nova unidade hoteleira na cidade alentejana e em representação do Primeiro-Minisro, congratulou-se com a abertura oficial no interior do país do hotel Vila Galé Collection Elvas. “O REVIVE – disse - para além de ter a preocupação da cultura, também tem preocupação do território uma vez que metade destes edifícios estão localizados no interior do país".

O Vila Galé Collection Elvas Historic Hotel, Conference & SPA, em pleno centro histórico de Elvas, classificada pela UNESCO como património mundial, tem como tema as fortificações portuguesas. Cada um dos 79 quartos que o integral tem o nome de uma fortaleza portuguesa, em Portugal ou por esse mundo afora por onde foram os portugueses.

A unidade conta com um spa Satsanga com piscina interior, salão de eventos e área de jardim exterior, duas salas de reunião, dois restaurantes com oferta gastronómica diferenciada, bar, biblioteca e piscina exterior.

O investimento representou um esforço de nove milhões de euros, mais quatro do que os inicialmente previstos e gerou 43 postos de trabalho directos.

Exemplo da arquitectura setecentista, este imóvel da Ordem de São Paulo começou a ser construído em 1679 e ficou concluído em 1721. Com a extinção das ordens religiosas em Portugal, foi, ao longo dos anos, tribunal militar, quartel e casa de reclusão. Desde 2004 que estava desocupado e em avançada degradação.



Reabilitar o património histórico, desenvolver o interior...

Localizado em pleno centro histórico da cidade alentejana, entre muralhas junto ao baluarte poente, o novo hotel tem a categoria de quatro estrelas. O fac to de usar as fortificações militares portuguesas espalhadas pelo mundo como marca distintiva não poderia vir mais a propósito e consagra uma homenagem a Elvas, considerada a maior fortificação abaluartada terrestre do mundo. A decoração dos quartos e zonas comuns conta com imagens e objectos inspirados nesta temática.

Paralelamente, foram feitas parcerias com entidades locais para expor algum do seu espólio com o objectivo de promover a região. Por exemplo, o Museu de Arte Contemporânea cedeu quadros e esculturas, está exposto um telégrafo do Museu Militar, bem como estátuas e crucifixos do Museu dos Cristos de Sousel.

Enquanto cidade-quartel fronteiriça, o centro histórico de Elvas e as suas muralhas foram classificados como Património Mundial pela UNESCO em 2012.

“Há já alguns anos que nos dedicamos a reabilitar imóveis históricos que estavam degradados, dando-lhes uma nova utilização e uma nova vida. Com isso, queremos contribuir para manter a nossa história e valorizar o nosso património, porque o futuro do turismo e do país dependem disso, do que nos diferencia. Depois do Vila Galé Collection Palácio dos Arcos ou, mais recentemente, do Vila Galé Collection Braga, chegámos agora a Elvas, onde recuperámos o antigo Convento de São Paulo. É o primeiro projecto a abrir no âmbito do REVIVE, um programa ao qual aderimos desde o primeiro momento, precisamente devido à sua vertente de reabilitação de património”, explica o presidente do conselho de administração do grupo Vila Galé, Jorge Rebelo de Almeida.

“Com este novo hotel, pretendemos também ajudar a revitalizar Elvas, uma cidade que tem enorme potencial devido à sua história. Por outro lado, este é mais um passo na nossa ambição de puxar pelo interior do país, criando novos polos de atracção e destinos turísticos”, reforça.

O Vila Galé Collection Elvas - Historic Hotel, Conference & Spa é o 34º hotel da Vila Galé, que tem agora 25 unidades em Portugal e nove no Brasil.

No âmbito do programa Revive, o grupo está também a desenvolver o Vila Galé Collection Alter Real, na Coudelaria de Alter do Chão, cuja abertura está prevista para 2020.

Comentário

Submeter

Os comentários são sempre sujeitos a apreciação prévia. Ficam excluídos da sua colocação online os comentários considerados ofensivos, insultuosos, difamatórios, inflamados, discriminatórios, e desadequados ao texto alvo de comentário.