Criar Anúncio!
Entrar na Área Pessoal Lista de imóveis

Data: 7/12/2019
Frequência: Diária
Edições: Gratuitas

Pesquisar Notícias

Pesquisar

05 abril 2011

OPWAY constrói nova sede da PJ em Lisboa

OPWAY constrói nova sede da PJ em Lisboa

Foi recentemente assinado pelo Ministro da Justiça, Alberto Martins, o auto de consignação para a construção da nova sede da Polícia Judiciária (PJ). A obra, no valor de 90 milhões de euros, será executada pela OPWAY. A assinatura do projecto coube ao gabinete Saraiva e Associados.

Os trabalhos preparatórios, que incluem o projecto de execução, demolições e limpezas do terreno pertencente ao Instituto de Gestão Financeira e de Infra-estruturas da Justiça (entre a Rua da Escola de Medicina Veterinária e a Rua Gomes Freire), já foram iniciados.

A área de intervenção inclui o actual Edifício da Poíicia Judiciária, o antigo Edifício do Arquivo de Identificação, o actual Estabelecimento Prisional, e a parcela da antiga Escola de Medicina Veterinária, adquirida para este efeito.

A superfície total envolvida é de aproximadamente 20.000 m2. Próximo de áreas urbanas centrais relevantes, nomeadamente a Praça do Duque de Saldanha, a Praça do Marquês de Pombal e a Praça José Fontana, o complexo encontra-se facilmente acessível, não só em termos viários como também pela rede de transportes colectivos (metro e autocarro).

As novas edificações passarão a constituir, em conjunto com as actuais recuperadas, o Complexo da Polícia Judiciária, agregando a Directoria Nacional e a Directoria de Lisboa e Vale do Tejo.

Quando concluído, este projecto irá permitir à PJ usufruir das mais modernas valências, com capacidade para responder aos novos desafios em matéria de investigação criminal, concentrar num só local os serviços deste corpo policial, actualmente localizados na Rua Gomes Freire e dispersos por vários locais.

Entre outras novidades, a futura sede irá dispor de um heliporto que permitirá a aterragem de helicópteros pesados.

Fonte: OPWAY/Revista Imobiliária

Comentário

Submeter

Os comentários são sempre sujeitos a apreciação prévia. Ficam excluídos da sua colocação online os comentários considerados ofensivos, insultuosos, difamatórios, inflamados, discriminatórios, e desadequados ao texto alvo de comentário.